Desde que ande o bastante.

– “Poderia me dizer, por favor, que caminho devo tomar para ir embora daqui?”
– “Depende bastante de para onde quer ir”, respondeu o Gato.
– “Não me importa muito para onde”, disse Alice.
– “Então não importa que caminho tome”, disse o Gato.
– “Contanto que eu chegue a algum lugar“, Alice acrescentou à guisa de explicação.
– “Oh, isso você certamente vai conseguir”, afirmou o Gato, “desde que ande o bastante”.

Aventuras de Alice no País das Maravilhas, Lewis Carroll.
Trad. Maria Luiza X. de A. Borges (Zahar, pg 77)

Anúncios

Um comentário sobre “Desde que ande o bastante.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s