O amor, ainda.

Nas suas múltiplas formas, o amor é uma história que contamos para tornar a vida vivível.
Umas vez mais, dizer que é uma história não é dizer que isso não existe (as histórias existem), nem que é uma mentira (pois acreditamos nela).

Nancy Huston

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s