Distração

Distraio-me a olhar a cara das pessoas, a superfície mais divertida do mundo, conforme Lichtenberg. Que passa dentro da alma? Quantas angústias? Que estará se perguntando hoje?

murilo2.jpg

Murilo Mendes, poeta modernista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s